Lê aí...
Papudicopa

PAPUDICOPA: Recordes Individuais


Conforme prometido ontem, o “Papudicopa” de hoje traz os recordes individuais em Copas do Mundo, separados em jogadores e técnicos. E as outras duas perguntas de ontem serão respondidas.

Jogadores

Mais uma vez, os brasileiros se destacam. Um deles em especial: o rei do futebol! Pelé foi o único jogador participar de 3 conquistas. Além disso, é o jogador mais jovem a marcar um gol em Copas, aos 17 anos e 239 dias, e o jogador mais jovem a disputar uma final, aos 17 anos e 249 dias.

Os outros brasileiros também tem suas marcas. Ronaldo é o maior artilheiro das Copas do Mundo com 15 gols. Jairzinho é o único jogador campeão que marcou gols em todas as partidas de uma Copa, em 1970. Cafú é o único jogador a jogar 3 finais de Copa do Mundo consecutivas, 1994 a 2002. Mas Cafú tem também um recorde negativo, é o jogador com o maior número de cartões em Copas, com 6 em 4 Copas disputadas.

O alemão Lothar Matthäus é o jogador com o maior número de partidas, com 25. Além disso, divide com o goleiro mexicano Carbajal, o recorde de maior número de participações, com 5. Mas o jogador com maior tempo em campo é o italiano Paolo Maldini, 2.220 minutos.

Em 1994, Rússia 6 x 1 Camarões pode ser considerado o jogo dos recordes. Nele, o russo Oleg Salenko marcou 5 gols e se tornou o jogador com maior número de gols em um jogo de Copa do Mundo. Já o camarônes Roger Milla, entrou para história duas vezes: aos 42 anos e 39 dias, se tornou o jogador mais velho a jogar uma partida de Copa e o jogador mais velho a marcar um gol em Copas, já foi ele que fez o gol de honra.

A França tem dois artilheiros recordistas: Lucien Laurent marcou o primeiro gol da história das Copas, no jogo entre França e México, em 1930; e Just Fontaine foi o jogador que marcou mais vezes em uma única edição, 13 gols em 1958.

Norman Whiteside, da Irlanda do Norte, foi o jogador mais novo a participar de uma Copa do mundo, ao entrar em campo em jogo contra a Iugoslávia, na Copa de 1982, aos 17 anos e 42 dias.

O goleiro italiano Dino Zoff é o jogador mais velho a participar de uma final, aos 40 anos e 133 dias, na final de 1982, entre Itália e Alemanha. Outro goleiro italiano, Walter Zenga, é o goleiro a ficar mais tempo sem tomar gols numa Copa: 517 minutos na Copa de 1990.

Para finalizar, os mais apressadinhos: o turco Hakan Sukur marcou o gol mais rápido da história das Copas do Mundo aos 11 segundos da partida entre Turquia e Coréia do Sul que decidia o 3º lugar da Copa de 2002; Ebbe Sand, da Dinamarca, foi o jogador reserva a marcar o gol mais rápido, com 16 segundos em campo na partida contra a Nigéria, válida pelas oitavas-de-final em 1998; e o uruguaio José Batista foi o jogador que tomou o cartão vermelho mais rápido. Em 1986, contra a Escócia, ele entrou, fez falta e foi pro chuveiro.

Treinadores

Helmut Schön treinou a Alemanha entre as Copas de 1966 e 1978 e se tornou o treinador com o maior número de partidas, 25, e maior número de vitórias, 16.

Vittorio Pozzo é o único técnico a vencer duas Copas do Mundo. Vittorio era o técnico italiano nas Copas de 1934 e 1938.

Carlos Alberto Parreira assumirá em 2010 o posto isolado de treinador com o maior número de participações em Copa do Mundo. O treinador da África do Sul vai para sua 6ª Copa. Parreira treinou: Kuwait, em 1982; Emirados Árabes, em 1990; Brasil, em 1994; Arábia Saudita, em 1998; e Brasil, em 2006. Por enquanto, Parreira está empatado com Bora Milutinovic que esteve em 5 Copas por 5 seleções diferentes: México, em 1986; Costa Rica, em 1990; Estados Unidos, em 1994; Nigéria, em 1998; e China, em 2002.

Luiz Felipe Scolari é o treinador com a maior sequência de vitórias. Entre as Copas de 2002 e 2006, quando treinou Brasil e Portugal, respectivamente, Felipão atingiu a sequência de 11 vitórias.

É Papudicopa!!!!

———————–

Faltam 5 dias para a Copa do Mundo

Anúncios

Discussão

3 comentários sobre “PAPUDICOPA: Recordes Individuais

  1. Faltou as 4 taças do Zagallo, ainda que com funções diferentes podemos dizer que ele fez por merecer:
    2 como jogador 58 e 62, 1 como treinador 70 e outra como auxiliar técnico 94.
    O velhinho até que tem sorte… ou competência, cada um faça seu julgamento

    Publicado por Magrão | 06/06/2010, 10:23 pm
    • Boa Magrão! Lembrou muito bem do velho Lobo para completar o post. Mas ninguém é 4 vezes campeão do Mundo por sorte…. vai por mim!

      Publicado por leonogueira | 06/06/2010, 10:38 pm
  2. E o Velho Lobo, que ganhou 4, perdeu quantas?

    Publicado por gabricarqueijo | 07/06/2010, 8:51 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Comentários da galera:

André Luiz em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
A fuga – Carta… em IAPI da Penha
Bonecas de soldados… em IAPI da Penha
sonia em IAPI da Penha
marilene oliveira em IAPI da Penha

É Papuditwitter !!!!

%d blogueiros gostam disto: