Lê aí...
Papudicopa

PAPUDICOPA: Brasil estréia!


No seu segundo jogo pela copa, a seleção Brasileira fez uma boa apresentação. Venceu com propriedade a seleção da Costa do Marfim que conta com bons valores individuais como Didier Drogba, Yaya Touré, Eboue, Gervinho e outros, mas que abusou da violência.

– ESLOVÁQUIA 0x2 PARAGUAI

Os sul-americanos são até o momento os melhores na Copa. O Paraguai inclusive, o time não tem brilho, mas a defesa continua forte, meio de campo e ataque melhoraram em relação aos últimos torneios e os resultados aparecem. Jogo absolutamente controlado pelos guaranis (2 a 0, gols Vera e Riveros), que jogaram bem no primeiro tempo e cozinharam o galo no segundo. E nada de riscos. Dizem que a Eslováquia ainda tem chance de classificação, caso vença a Itália. Nessas horas, eu mando uma banana para os números. Duvido que esse milagre aconteça.
Quanto ao Paraguai, avançará e, quem sabe, se pegar uma Dinamarca ou Japão da vida, pode até emplacar as quartas-de-final. Seria um prêmio para um país que, há 12 anos, mantém um trabalho sólido e bem planejado com sua seleção
 
– ITÁLIA 1×1 NOVA ZELÂNDIA

Dois jogos, dois empates, sendo que um contra uma seleção considerada bônus antes e durante o Mundial. Parece desempenho de atual campeã? Pois é, não parece e não deveria ser, mas a Itália pediu para empatar mais uma vez e decepcionou contra a fraca Nova Zelândia. O teimoso Marcello Lippi insistiu em escalar sua ineficiente dupla de ataque, formada por Gilardino e Iaquinta, enquanto tinha Di Natale e Pazzini, artilheiro e terceiro artilheiro, respectivamente, do Calcio.
Mais inexplicável ainda é o time italiano insistir em jogadas pelo meio, congestionado pelos All Whites, que conseguiram abrir o placar com Smeltz – uma leve brisa de qualidade – em posição de impedimento. A partir disso, Lippi e seus comandados dominaram a partida, mas pouco criaram. O empate veio em um pênalti sofrido por De Rossi e bem cobrado por Iaquinta, aos 28 minutos de partida.
A classificação da Azzurra deve vir na última rodada. Mais pela necessidade de ganhar e a fragilidade da seleção da Eslováquia do que por méritos próprios. Eu disse “deve”. Pelo o que vimos nessa Copa, não dá para apostar na Itália.

– BRASIL 3×1 COSTA DO MARFIM

A verdadeira estréia da seleção brasileira foi neste domingo, nos 3 a 1 sobre a Costa do Marfim no Soccer City, o Brasil garantiu a classificação antecipada para as oitavas de final numa chave que muitos chamaram de grupo da morte da Copa.
Mas bom mesmo, de verdade, foi o segundo tempo da seleção. No primeiro, o time ainda estava travado, e dependente do trio Robinho-Luís Fabiano-Kaká. Dos primeiros 45 minutos, destaque apenas para o gol de Luís Fabiano, na primeira boa jogada dele e de Kaká na África do Sul.
Na etapa final é que o Brasil enfim achou o seu jogo. Que não é feito só de contra-ataque. Também há espaço para o talento individual. Como no confuso golaço de Luís Fabiano. Ok, foi irregular, ele tocou duas vezes com o braço na bola. Mas considerando apenas a parte bonita do lance… que golaço: não é todo dia que vemos dois lençóis seguidos e um chute de primeira no cantinho, ainda mais em Copa do Mundo.
E o Kaká? Melhorou consideravelmente em relação ao primeiro jogo. Participou decisivamente do primeiro e do terceiro gol (de Elano). Mas perdeu a cabeça no fim. Não digo exatamente pela expulsão, que foi injusta (muitos dizem que ele deixou o cotovelo, mas para mim foi uma reação defensiva de quem leva uma trombada ostensiva como a do Keita). Enfim, o lance é polêmico mesmo. O problema é que o Kaká ficou visado pelas reclamações seguidas e deveria ter sido substituído quando recebeu o primeiro cartão amarelo, já aos 39 minutos do segundo tempo.
Atenção para a defesa que cochilou no final do jogo novamente.

Por Gustavo

Anúncios

Discussão

3 comentários sobre “PAPUDICOPA: Brasil estréia!

  1. O gol do Luis Fabiano foi tão bonito que o sr. árbitro ficou sem jeito para anular, e como gol validado é gol, esse entrou para história das Copas, talvez como um dos mais bonitos

    Publicado por Magrão | 22/06/2010, 10:02 pm
  2. dormi no jogo da Itália…

    Publicado por Magrão | 22/06/2010, 10:03 pm
  3. Exatamente Magrão. Por isso ele não anulou!

    Publicado por Gustavo | 22/06/2010, 11:42 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Comentários da galera:

Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
A fuga – Carta… em IAPI da Penha
Bonecas de soldados… em IAPI da Penha
sonia em IAPI da Penha
marilene oliveira em IAPI da Penha
Helio Serra em IAPI da Penha

É Papuditwitter !!!!

%d blogueiros gostam disto: