Lê aí...
Papudicopa

PAPUDICOPA: Erros de arbitragem


Tem como errar? (fonte: globoesporte.com)

O domingo de Copa foi até aqui o melhor dia da Copa do Mundo. Mas, infelizmente, foi afetado por erros grosseiros de arbitragem. Alemanha e Argentina foram até então melhores na Copa do que Inglaterra e México, respectivamente, e merecem a classificação. Mas é inegável que os erros aconteceram em momentos cruciais das partidas e mudaram as histórias dos jogos.

– ALEMANHA 4 x 1 INGLATERRA

Esta Alemanha é diferente de todas as outras. Um time montado para atacar e contra-atacar com qualidade. Os volantes sabem jogar. Mais impressionante ainda é a precisão dos passes e a velocidade do contra-ataque. E foi assim que a Alemanha conseguiu sua classificação. O primeiro gol saiu de uma jogada de raça de Klose que marcou seu 12º gol em Copas do Mundo e se igualou com ninguém menos que Pelé. Logo em seguida, o segundo gol é uma obra-prima da coletividade de um ataque veloz e eficiente que sabe tocar a bola. Mas os ingleses não estavam mortos e diminuíram o placar no melhor estilo inglês: bola alçada na área para a cabeçada de Upson. Um minuto depois, vem o lance polêmico. Um chute de Lampard encobre o goleiro, bate no travessão e quica 33 cm dentro do gol. Mas o assistente não viu e o gol foi invalidado. Convenhamos, um time perdendo de 2 a 0 no 1º tempo, faz 2 gols em um minuto e empata, seria outro jogo. Mas a arbitragem uruguaia não quis que fosse assim. E o 1º tempo terminou 2 a 1. A Inglaterra voltou melhor do intervalo e atacava os alemães, em um dos lances, carimbando a trave adversária. Mas num lindo contra-ataque, Müller toca para Schweisteiger que espera o momento certo para devolver a bola pro garoto fuzilar o goleiro James. A Inglaterra não se dava por vencida e continuava a atacar, mas em um novo contra-ataque recebeu o golpe de misericórdia. Klose rouba a bola em sua área e lança Özil na direita, a reveleção alemã ganha de Barry em velocidade, avança até a área e toca açucarada para Müller fechar o caixão. Alemanha 4 a 1 e a vaga nas quartas garantida. A partir daí foi só esperar o apito final e o adversário que viria do jogo da tarde.

– ARGENTINA 3 x 1 MÉXICO

A grande dúvida do jogo era se enfim, a defesa argentina seria testada. E foi. O México começou o jogo com uma marcação muito forte no seu campo de defesa, que limitava os avanços dos argentinos. E assim, os mexicanos estavam melhores no jogo e criaram 2 boas oportunidades. Até que aos 26 minutos, Tevez marca completamente impedido. Nem o goleiro estava entre ele e a linha do gol. Mas a arbitragem validou o gol. A reclamação mexicana era enorme, já que o telão mostrou o replay e a irregularidade do lance. Claramente, para um time menor que jogava bem contra um adversário bem mais forte, um gol com erro de arbitragem representou um desabamento psicológico. Os mexicanos se perderam em campo e Osorio num lance medonho entregou o segundo gol aos argentinos. No final do 1º tempo, o México chegou a equilibrar o jogo novamente, mas o melhor era o intervalo vir logo. O técnico Javier Aguirre mexeu no time colocando o rápido Barrera que se movimentou muito e criou jogadas pelas duas pontas, no lugar do paradão Bautista. O México voltou melhor, mas logo aos 7 minutos, no primeiro ataque argentino, Tevez acertou um lindo chute indefensável para o fraco goleiro mexicano, Perez. O 3 a 0 até então não condizia com o que as equipes apresentavam em campo, mas isso é o que torna o futebol emocionante. Ao México, não restava outra coisa, a não ser partir pra cima. As principais jogadas partiam de Barrera e Hernandez, que acabou por fazer o gol de honra mexicano. Os argentinos ainda salvaram um gol em cima da linha. Mas ficou nisso. Argentina x Alemanha se enfrentam nas quartas, no duelo dos dois times que apresentaram o futebol mais bonito da Copa até aqui. Este jogo promete.

Por Leandro

Anúncios

Discussão

2 comentários sobre “PAPUDICOPA: Erros de arbitragem

  1. Acho que os erros de arbitragem influenciaram muito mais no jogo Argentina X México, do que no Alemanha X Inglaterra. O gol irregular da Argentina afetou muito os mexicanos. Já a Inglaterra pagou na mesma moeda 66, e acredito piamente que Alemanha iria ganhar do mesmo jeito.

    De qualquer forma uma delas irá ficar pelo caminho. Torço para que los hermanos continuem na Copa. Afinal uma possível final Brasil X Argentina seria a final de todos os tempos, e as caracteristicas atuais das 2 seleções daria um belo espetáculo.
    Amanhã toda força aos xirús!

    Publicado por Magrão | 28/06/2010, 9:55 pm
  2. Acho que atrapalhou mesmo!

    Tanto o México quanto a Inglaterra viviam bons momentos nos jogos quando sofreram os gols, porém, nos 2 jogos como um todo, ambos como Alemanha e Argentina foram superiores.

    Publicado por Gustavo | 30/06/2010, 9:42 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Comentários da galera:

André Luiz em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
Gilberto rua 18 em IAPI da Penha
A fuga – Carta… em IAPI da Penha
Bonecas de soldados… em IAPI da Penha
sonia em IAPI da Penha
marilene oliveira em IAPI da Penha

É Papuditwitter !!!!

%d blogueiros gostam disto: